TESTES

EPF-TDAH – Escala de Prejuízos Funcionais

Código

4418

Aplicação

instrumento auxiliar no diagnóstico do TDAH

Kit (R$) 305,00
  • Restrição Cadastro
  • Correção Manual
Composição Kit
01   Manual
25   Cadernos com folha de respostas e registro
 
Objetivo
O EPF-TDAH tem como objetivo explorar os prejuízos funcionais relacionados ao TDAH que adultos podem experimentar em nove áreas da vida: acadêmica, profissional, social, afetivo-sexual, doméstica, financeira, saúde, trânsito e risco legal.
 
População
Adultos e idosos entre 18 e 76 anos de idade.
 
Aplicação
Pode ser individual ou coletiva a depender do contexto e objetivo.  Em caso de adultos não alfabetizados é possível ler os itens.
 
Tempo
Demanda uma única sessão com tempo aproximado de 10 minutos para a sua realização.
 
Correção
Manual.
 
Descrição
O prejuízo funcional pode ser definido como o grau de dificuldade vivenciado pelo indivíduo na interação com os seus contextos de desenvolvimento e suas consequências adversas, sendo um dos critérios exigidos para o diagnóstico do TDAH segundo o Manual de Estatísticas e Diagnósticos e Transtornos Mentais – DSM-5.
 
De aplicação prática e rápida, a EPF-TDAH é indicada principalmente para o contexto clínico como recurso auxiliar no diagnóstico, no planejamento de intervenção e no acompanhamento do tratamento para o TDAH.  Pode também ser utilizada em contextos de pesquisa.
 
Por avaliar simultaneamente nove importantes fatores da vida cotidiana de um adulto, que são impactados pelo transtorno, é considerada uma escala inovadora, pois oferece uma visão geral do funcionamento global do cliente.  Proporciona dois benefícios importantes: aumenta a probabilidade de se ter uma compreensão mais realista dos prejuízos e permite que sejam constatados prejuízos específicos do indivíduo, permitindo assim a elaboração de uma proposta de tratamento que atenda a sua singularidade.
 
Está composta por 66 itens, que são respondidos em uma escala de cinco pontos para captar a frequência da dificuldade nos últimos anos.
 
A interpretação dos escores obtidos possibilita saber em quais áreas há prejuízos funcionais, quando comparados com adultos da comunidade sem essa condição clínica, se esses prejuízos são leves, moderados ou severos e se há prejuízos em pelo menos duas das áreas requeridas pelo DSM-5: acadêmica, profissional e social.
 
O manual apresenta dois casos clínicos no intuito de servirem como referência para a elaboração do relatório final do EPF-TDAH.
 
Código Produto R$ Qtde
4416 Manual 120,00
4417 Caderno com folha de respostas e registro (conjunto com 25) 185,00
Comprar
Editora

Hogrefe

Autor

Ana Paula A. de Oliveira e Elizabeth do Nascimento

Categoria

Avaliação Familiar / Clínica / Estresse > Neuropsicológicos > Psicopedagógicos / Pedagógicos / Fonoaudiológicos