TESTES

Os Contos de Fadas e a Psicopedagogia - buscando soluções para os problemas da escrita

Código

1745

Aplicação

crianças com dificuldade de aprendizagem

Kit (R$) 102,00
  • Restrição Cadastro
  • Correção Manual
Composição Kit
01   Manual
01   Exercício de aplicação (descartável)
 
Objetivo
Os Contos de Fadas e a Psicopedagogia tem objetivo levar a criança a se apropriar do processo de alfabetização
 
População
Pode ser utilizado com crianças em qualquer nível de escrita.
 
Aplicação
Individual, sem limite de tempo, sendo que a maioria das aplicações leva em média de 05 a 10 minutos.
 
Tempo
Sem tempo e duração prefixado.
 
Correção
Manual.
 
Descrição
Os Contos de Fadas e a Psicopedagogia busca algumas formas de lidar com crianças que apresentam problemas na aprendizagem da lecto-escrita, criando atividades que possam, ao mesmo tempo, desestabilizar a criança nos diversos níveis de escrita a fim de que passem de um estágio a outro e permitir que elaborem algumas de suas questões inconscientes.
 
O psicopedagogo pode utilizar os Contos de Fadas desde a fase do diagnóstico, para levar a criança a se apropriar do processo de alfabetização, pois eles nos permitem observar tanto a parte psicanalítica quanto a parte cognitiva.  Em cada nível alfabético (pré-silábico, silábico, silábico-alfabético e alfabético) utiliza-se uma didática que irá conflitar concomitantemente o psicanalítico e o cognitivo, permitindo assim que a criança adquira autoconfiança, autorrespeito e compreenda que pode crescer com segurança.
 
Embora todos os contos de fadas possam ser utilizados, neste instrumento apenas quatro contos foram considerados: Cinderela, Branca de Neve, Joãozinho e Mariazinha, e Chapeuzinho Vermelho.
 
A correção é realizada pela avaliação qualitativa.
 
Código Produto R$ Qtde
1327 Manual 35,00
1328 Exercício de aplicação 67,00
Comprar
Editora

Vetor

Autor

Tais Lima / Márcia Duarte / Clara Alice Itto

Categoria

Psicopedagógicos / Pedagógicos / Fonoaudiológicos